Spotify ainda tem prejuízo mesmo com crescimento no número de assinantes

Mesmo com crescimento no número de usuários e assinantes, o Spotify ainda não conseguiu se tornar lucrativo. Mas, de acordo com o balanço trimestral divulgado pela empresa, isso está bem perto de acontecer.

Entre os meses de julho e setembro, o Spotify ganhou 4 milhões de novos assinantes e fechou o trimestre com 87 milhões de usuários do serviço pago. Ao todo, 191 milhões de pessoas ouvem música através do serviço. Mas, apesar desses números imensos, a empresa ainda não conseguiu se tornar lucrativa - mas o prejuízo está caindo, e a tendência é que a situação mude nos próximos meses.

No segundo trimestre, o prejuízo do Spotify foi de US$ 102 milhões. No terceiro, as perdas caíram para US$ 6,8 milhões.

Com uma série de acordos comerciais - como um que coloca o Spotify como aplicativo padrão de música em dispositivos Samsung -, a empresa planeja reverter a situação de perdas para breve. A expectativa é fechar o quarto trimestre do ano com 206 milhões de usuários e 96 milhões de assinantes - o que não necessariamente vai garantir lucros imediatos, mas ao menos vai manter a empresa no caminho certo.

Categoria:Destaques

Deixe seu Comentário